Nenhum icone

Feira de Artesanato atrai público para as galerias dos Remédios e Espírito Santo

Começou nesta segunda-feira, 25, a Feira de Artesanato de Manaus (FAM). A programação, promovida pela prefeitura, ocorre simultaneamente nas galerias dos Remédios (Rua Miranda Leão, Centro) e Espírito Santo (rua 24 de maio, Centro). Nos dois locais, 33 artesãos cadastrados na Secretaria Municipal de Trabalho, Empreendedorismo, Abastecimento, Feiras e Mercados (Semtef), comercializam até sábado, 30, mais de 350 produtos.

De acordo com o diretor do Departamento de Economia Solidária da Semtef, Virgílio Melo, estão expostas à venda, com preços populares, peças regionais do vestuário, bijuterias e brinquedos. “A proposta das feiras nas galerias é atrair turistas para gerar renda ao artesão nesse momento de crise financeira que atravessamos”, disse. 

A Feira de Artesanato nas galerias faz parte do projeto de revitalização do Centro, o Viva Centro Galerias Populares e conta com o apoio da subsecretaria do Centro Histórico (Semch), Secretaria Municipal de Comunicação Social (Semcom) e do Sindicato dos Vendedores Ambulantes de Manaus (Sinvam).

“A ideia de trazer a feira de artesanato para as galerias é justamente unir o útil ao agradável. Aqui nós temos produtos diversificados e estava faltando um produto artesanal que mostrasse o potencial da nossa região”, disse o presidente do Sindicato dos Vendedores Ambulantes de Manaus, José Assis.

A artesã Wal França é uma dos 33 artesãos da FAM e acredita que a feira é uma nova porta aberta para a categoria. “Estou muito feliz pela prefeitura ter nos dado esta oportunidade de estarmos divulgando nosso trabalho. O artesanato está em alta e precisa ser mais divulgado”.

Comentários